Ciência em Casa
Prevenção da oxidação
Ciência em Casa

Material

    Maçã.
    Faca.
 
Compostos

    Sumo de limão.
 
Vídeo:  
download.avi (39 KB) início
download.avi (55 KB)   final






Fotos:  








Procedimento

     1. Corta uma maçã em duas metades iguais.

     2. Espreme um limão, recolhendo o seu sumo.

     3. Mergulha a superfície de uma metade da maçã no sumo de limão.

     4. Deixa as duas metades em repouso durante um dia.

     5. Depois de passar um dia, podes observar que a superfície da maçã, não mergulhada no sumo de limão, encontra-se mais oxidada do que a outra.

     6. Ao fim de dois dias, o efeito da prevenção da oxidação da maçã torna-se mais evidente. (pode-se concluir que o ácido previne a oxidação da superfície da maçã)
 
O porquê?

A oxidação da superfície da maçã é devida à presença de oxigénio no ar. Como deves ter verificado, a maçã sem sumo de limão foi ficando cada vez mais escura quanto maior o tempo de exposição. Por sua vez, a maçã com sumo de limão não sofreu grande oxidação. Este facto é devido à presença de ácido ascórbico (vitamina C) no sumo de limão. O ácido ascórbico reage com o oxigénio contido no ar, impedindo que este oxide a maçã. Sendo assim, quando quiseres manter a cor de um fruto (maçã, pêra, banana), basta molhares a superfície exposta em sumo de limão. O sumo de limão pode ser considerado como um conservante.





As 5 melhores História do site Ligações interessantes Regras de segurança Contacto English version
Todos os direitos reservados. Copyright © 1999-2003 Ciência em Casa - Vasco Silva.
Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem prévia autorização.
Por favor informe-me se houver algum problema no site.